Sem categoria

10 dicas eficientes para economizar em viagens4 minutos de leitura

Logo Agora Cupom

Viajar é, sem dúvidas, uma das melhores formas do ser humano conhecer novos lugares, culturas e a si mesmo. Para isso, é sempre importante fazer um bom planejamento para evitar qualquer tipo de imprevisto e aperto na hora da diversão.

Um dos maiores problemas é a parte financeira, já que, muitas vezes, não se sabe o quanto, exatamente, será gasto. Para isso, separamos as melhores dicas para você economizar em viagens.

Cupom de desconto

Caso vá de ônibus, os cupons de desconto sempre são uma boa. Utilizando o cupom de desconto Clickbus, por exemplo, é possível economizar uma parte considerável da passagem. Em alguns casos, o desconto chega a R$ 50 ou até 10% do total do preço.

Atenção com a bagagem

Tanto em voos, quanto em viagens de ônibus, há um limite de peso com relação à bagagem dos passageiros. Caso passe, há uma multa. Por isso, é bom planejar bem o que, realmente, é necessário levar na hora de organizar as malas.

As bagagens de mão, por exemplo, podem ter até 10 kg em voos nacionais e internacionais. Já suas dimensões, devem ficar dentro do limite de cada empresa.

Escolha do período da viagem

As temporadas possuem uma grande variação no volume de pessoas. Quando estão em alta, geralmente, tudo fica mais caro e as reservas, mais disputadas, portanto, não estranhe se os preços estiverem acima do comum. Já na baixa temporada, os preços tendem a voltar ao normal, facilitando a vida dos turistas.

Cotação das moedas

Quem acompanha o mercado sabe que a variação diária da bolsa afeta muito o turismo. Com as recentes crises, causadas pelo coronavírus, nas ações de empresas, é preciso acompanhar, constantemente, a cotação da moeda do local de destino, caso seja uma viagem internacional.

Recentemente, o dólar chegou a marca dos R$ 5,10, a maior da história, deixando muitos em estado de alerta. Talvez, a melhor opção seja esperar um pouco, até o mercado se estabilizar, para organizar sua viagem.

Alimentação

Caso o lugar para o qual você vá tenha hábitos alimentares muito diferentes do seu, é preciso se acostumar com os pratos para não gastar demais com a alimentação. É imprescindível estar aberto à todas as opções, até mesmo para conhecer mais da outra cultura e de sua população.

Caso vá para o Japão, por exemplo, procure estar disponível a novas experiências culinárias que incluam a carne de peixe. O país tem suas raízes intimamente ligadas à pesca, já que a criação de gado é muito difícil. Por isso, experimentar o novo é o aconselhável.

Transporte

Ao chegar ao seu destino, atente ao transporte que utilizará para se locomover. Às vezes, utilizar um táxi para ir de um canto a outro sai mais caro do que parece.

Por isso, procure entender mais sobre a malha do transporte público local e veja quais pontos mais lhe ajudam com o seu trajeto.

Estadia

O local onde ficará também influencia muito a sua experiência. Dependendo do tipo de viagem que você quer, uma boa escolha é um hostel, permitindo que você conheça muitas outras pessoas e tenha novas experiências. Caso queira algo mais individual e reservado, há o tradicional hotel.

Pontos turísticos

Os locais mais conhecidos dos destinos variam muito de preço. Para isso, escolha bem os pontos que realmente valem a pena. Dê preferência aos que você mais quer visitar e que contribuem para a experiência da viagem como um todo.

O barato sai caro

Sempre suspeite de preços que são bons demais para serem verdade. Procure mais informações a respeito dos locais que visitará, restaurantes em que se alimentará e de outros planos de viagem. Preços muito abaixo da média quase sempre significam golpe.

Planejamento

Nada de deixar as coisas para o último momento. Caso queira viajar, sempre planeje ao menos seis meses antes da viagem.

Economizar em Viagens

Pesquise tudo aquilo que quer fazer, veja dicas de turistas que já foram para lá e procure saber a história dos locais que visitará, para não correr o risco de se decepcionar com sua experiência. Caso precise realizar uma viagem de emergência, procure se informar o máximo possível e evite fazer coisas com as quais não está devidamente informado.

RESPONDER

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *